26.5 C
Barra de São Francisco
90

Amigo do PM que matou músico em briga de vizinhos pode responder por homicídio, diz delegado

Date:

Compartilhe:

O homem, ainda não identificado, que aparece em um vídeo de câmeras de segurança bebendo com o soldado da Polícia Militar Lucas Torrezani de Oliveira, no momento em que o PM mata um vizinho de condomínio pode responder pelo crime de homicídio. A informação foi confirmada em coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira (18) pelo delegado Marcelo Cavalcanti, titular da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Vitória.

Nas imagens, o homem aparece empurrando o músico e vizinho do militar antes va vítima ser assassinada. Guilherme Rocha, de 37 anos, foi morto com um tiro na madrugada desta segunda-feira (17).

O delegado Marcelo Cavalcanti disse que as investigações seguem em andamento e vai pedir a prorrogação da prisão temporária do policial militar por mais 30 dias.

“É um crime complexo. Pelas imagens fica claro que a vítima foi executada. Um dos amigos do autor que impossibilita que a vítima se defenda pode responder pelo crime de homicídio”

 

“Esses fatos todos estão sendo investigados, a conduta dele, dos amigos, a conduta administrativa dele. A investigação está apenas no começo. Estamos agindo rapidamente para dar essa resposta a sociedade”, disse o delegado.

Sobre o fato do PM ter sido, inicialmente, liberado pelo delegado de plantão da Delegacia Regional de Vitória , o chefe da DHPP de Vitória, disse que delegado plantonista liberou o militar porque trabalhou apenas com as informações que foram levadas para ele, no caso, a versão do autor, mas seguiu com as investigações.

De acordo com o boletim da ocorrência, o PM estava com “odor etílico ao falar” e com a arma do crime nas mãos quando os policiais chegaram ao condomínio.

“A gente trabalha pra investigar e prender qualquer acusado de crime desde que tenham elementos que concretizem essa autuação. Se tinha alguma dúvida inicialmente, ela caiu durante o dia. As imagens de videomonitoramento foram determinantes”

 

“É temerário que uma autoridade policial em plantão autue uma pessoa sem que tenha elementos. Ele [o delegado] determinou diligências que foram cumpridas durante o dia e, ao final, o próprio delegado com essas informações representou pela prisão temporária”, disse o delegado Marcelo Cavalcanti.

O delegado disse ainda que ao final das investigações, os envolvidos serão indiciados e o inquérito será apresentado ao Ministério Público que poderá oferecer denúncia a Justiça.

O PM se entregou à polícia na noite desta segunda-feira acompanhando de um advogado, mas se reservou ao direito de ficar calado. A defesa do policial também solicitou acesso aos elementos que estavam nos autos.

Segundo o chefe da DHPP de Vitória uma nova oitiva será realizada em data ainda não definida.

Corregedoria da PM apura condutas ética e disciplinar de soldado

O major Alves Christ, da Corregedoria da PM, disse, na manhã desta terça-feira (18), que as condutas ética e disciplinar do militar serão apuradas e a corporação aguarda a conclusão da investigação da Polícia Civil, uma vez que o militar cometeu o crime quando estava de folga.

De acordo com o major, até então não havia histórico de problemas disciplinares relacionados ao militar que está na corporação desde 2020.

O major também disse que policiais podem portar arma mesmo quando estão consumindo bebidas alcoólicas, desde que o uso seja feito de forma prudente.

“O porte é inerente a função dele. Ele tem porte e pode portar a arma 24 horas. Não há restrição para o porte de arma ao militar que faz uso de bebida alcoólica

“O militar tem que ter a sua consciência que o uso de bebida alcoólica pode alterar o seu comportamento. Se ele faz o uso de foram coerente e prudente, a princípio não há nenhuma restrição, porém, não pode o militar se exceder e fazer uso da arma de fogo”, disse o major.
Fonte: G1/ES

-publicidade-spot_img

━ MAIS LINKS

Novo Advogado de Alexandre Correa, Associado a Marcola, Assume Defesa Contra Acusações de Ana Hickmann

O caso envolvendo Alexandre Correa e Ana Hickmann tomou um novo rumo com a entrada de um novo advogado na defesa do empresário. Bruno...

Tragédia no Motocross: Assassinato de Wesdrason Silva Choca Comunidade

Tragédia no Motocross: Assassinato de Wesdrason Silva Choca Comunidade Na manhã do último domingo (7), um trágico incidente abalou Barra de São Francisco, Espírito...

Tragédia nas Trilhas: O Brutal Assassinato do Piloto Wesdrason Silva

Na manhã ensolarada deste último domingo (7), a estrada que corta Barra de São Francisco, no Espírito Santo, testemunhou um episódio trágico que abalou...

Governo do ES entrega obras e anuncia convênio da nova rodoviária de Barra de São Francisco

O governador do Estado, Renato Casagrande, esteve, nesta sexta-feira (05), no município de Barra de São Francisco, na microrregião Noroeste, para a inauguração de...

Fugitivos de Mossoró são recapturados após 50 dias em Marabá, Pará

Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral Nascimento foram recapturados em Marabá, Pará, a cerca de 1.600 quilômetros de distância da prisão de segurança...

Deixe um Comentário

Por favor, insira seu comentário!
Seu comentário está aguardando moderação