Sul-Americana: tudo o que você precisa saber de Flamengo x Chapecoense

Simples vitória classifica cariocas ou catarinenses para quartas de final da competição. Novo 0 a 0 leva aos pênaltis e empate com gols favorece Verdão do Oeste.

O JOGO

De volta à Ilha do Urubu, o Flamengo recebe a Chapecoense na partida que define o brasileiro classificado para as quartas de final da Sul-Americana. O feito seria inédito para os cariocas – que chegaram, no máximo, às oitavas em 2011 (eliminado pela Universidad de Chile) e no ano passado (caiu contra o Palestino) e não avançam em competição continental desde 2010, quando eliminaram o Corinthians, mas caíram contra a “La U”, nas quartas. Os catarinenses são os atuais campeões e querem manter a chama acesa pelo bicampeonato continental.

Como a partida de ida terminou 0 a 0 em Chapecó, na última semana, a repetição do placar no Rio leva a decisão para os pênaltis. Empate com gols favorece a Chapecoense. Quem vencer se classifica para enfrentar LDU, do Equador, ou Fluminense, que jogam em Quito nesta quinta-feira.

Flamengo – técnico Reinaldo Rueda

O treinador colombiano só vai definir o time nesta manhã de quarta-feira, como virou hábito no Flamengo. Diego Alves volta ao gol do Rubro-Negro, que vai ter força máxima, com Berrío pela direita e Éverton Ribeiro pela esquerda. Rueda levou 20 jogadores para a concentração, mas vai cortar dois atletas do banco. Ficaram fora da lista nomes como Rômulo, Mancuello, Renê e Felipe Vizeu. Os dois últimos já estão recuperados de lesão muscular.

Desfalques: Everton, que se recupera de lesão muscular na panturrilha esquerda, Thiago, fraturou o punho esquerdo, e Ederson, afastado indeterminadamente do futebol para tratar de câncer no testículo, estão fora de combate.

Chapecoense – técnico Emerson Cris (interinamente)

Ao contrário do jogo de ida, a Chapecoense enfrenta o Flamengo em uma boa fase. Sob comando do interino Emerson Cris, o Verdão fez uma boa partida contra o Fla – na Sul-Americana – e venceu o Grêmio, fora de casa, no Brasileirão. O casamento entre interino e time deu certo até o momento, o que faz o torcedor da Chape sonhar com um bom resultado no Rio de Janeiro. Para este duelo, os catarinenses não contam com Reinaldo, suspenso, e Canteros, lesionado. Diego Renan e Lucas Marques devem ser os substitutos, respectivamente.

Desfalques: Reinaldo (suspenso), Canteros, Seijas, Roberto, Osman, Guerrero, João Pedro, Elicarlos, Neto, Nadson, Zeballos e Amaral (no departamento médico). Victor Ramos não faz mais parte dos planos e está treinando à parte.

Árbitro: Michael Espinoza (PER)

Auxiliares: Stephen Atoche (PER) e Michael Orue (PER)

Fonte: Globoesporte.com