Mulher atingida por bala perdida na orla de Guriri morre no hospital

A mulher que foi atingida por uma bala perdida de um policial militar em Guriri, São Mateus, na madrugada desta quarta-feira (14), não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Roberto Silvares nesta tarde. Ela era moradora da Serra, na Grande Vitória.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado, o policial se apresentou espontaneamente à Companhia da Polícia Militar e explicou o que havia acontecido.

Conforme o relato dele, a situação começou quando o policial chegou a uma casa com um grupo de amigos, na noite de terça-feira (13), e soube que um dos homens que estava na residência havia agredido uma mulher com socos. O PM teria tentado apartar a briga, mas o homem estava armado e teria feito ameaças.

Uma nova confusão começou do lado de fora da casa, já de madrugada. O soldado contou que foi agredido pelo homem e sacou a própria arma para se defender. Nessa hora acabou atirando acidentalmente, segundo ele, e atingiu a mulher.

O policial, então, se apresentou na Companhia da PM. Ele teve que entregar a arma, o carregador e a munição. Ele foi encaminhado para a delegacia de São Mateus. A Polícia Militar disse que vai apurar a conduta dele.